Google+

quero tanto hoje

quero tanto hoje
segurar tuas mãos e olhar no profundo do olhar
abraçar e sentir o coração pulsar
beijar e beber teu doce beijar
sussurrar desejos calados em teu ouvido
encher as mãos com teus cabelos de índia
te olhar nua desnudo em teu corpo
acariciar os seios que me suplicam pela boca
a mão em teu ventre tacteando os anseios de paixão
as pernas me serpenteando num aperto crescente
meu ser se derretendo se embelezando se preparando
tu na tua louca ansiedade me puxando para o teu sonho
juntos explodindo num arco-íris gemido
num turbilhão de gozo perfumado
fundimos o céu e a terra num instante imenso
estendidos um no outro amamos a madrugada
rindo baixinho saboreamos o momento só nosso
-- amanhã voltaremos ao amor louco e doce